São Paulo
20°C
Rio de Janeiro
25°C
Brasília
20°C
Salvador
27°C
Belo Horizonte
21°C
Fortaleza
26°C
Recife
28°C
Manaus
27°C
Curitiba
18°C
Porto Alegre
22°C
Home >> Último Segundo >> Zambelli chama evento do 8/1 de ridículo e diz ser 'gasto de energia'

Zambelli chama evento do 8/1 de ridículo e diz ser 'gasto de energia'

Cerimônia irá marcar o primeiro ano das invasões que depredaram a sede dos Três Poderes em Brasília

por

iG Último Segundo

5 de janeiro de 2024

IG

Deputada Carla Zambelli (PL-SP)Lula Marques/ EBC – 02/08/2023

deputada federal Carla Zambelli (PL-SP) afirmou que não concorda com a realização do evento de 8 de janeiro que irá acontecer no Congresso Nacional na próxima segunda-feira (8). A cerimônia irá marcar o primeiro ano das invasões que depredaram a sede dos Três Poderes em Brasília no ano passado.

“Eu vou ignorar. Coisa ridícula esse gasto de energia e dinheiro público”, disse Zambelli à Folha de S. Paulo.

No início de dezembro, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) convidou todos os governadores para estarem em Brasília e participarem do evento do 8 de janeiro de 2024.

“Estou convidando todos os governadores, porque dia 8 de janeiro vamos fazer um ato aqui em Brasília para lembrar o povo que tentou se dar um golpe dia 8 de janeiro e que ele foi debelado pela democracia deste País”, afirmou o presidente.

De acordo com o secretário-executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappelli, o evento será “um dia para festejar a democracia revigorada”. 

“Será um evento para não se esquecer o que aconteceu e unir o país ainda mais em torno dos valores democráticos. Essa é a intenção e tenho certeza que faremos um dia histórico”, afirmou Cappelli ao Correio Braziliense.

A cerimônia

O evento irá acontecer no Congresso Nacional, onde haverá 20 viaturas, armamentos, drones, cartuchos e equipamentos do Plano de Ação na Segurança (PAS) e do Pronasci. Haverá também mais de 2 mil policiais militares do Distrito Federal, que irão realizar o patrulhamento ostensivo. 

A cerimônia será iniciada às 15h com a fala de Fátima Bezerra (PT), governadora do Rio Grande do Norte. Depois, Alexandre de Moraes, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, presidente do Supremo Tribunal Federal, Arthur Lira, presidente da Câmara dos Deputados e Rodrigo Pacheco, presidente do Senado Federal, tomam a palavra.

Por fim, o presidente Lula deve fechar a cerimônia com um discurso.

O evento terá mais de 500 convidados, entre eles governadores, deputados, senadores, prefeitos, ministros e presidentes de tribunais superiores. 

8 de janeiro atos golpistas Carla Zambelli Congresso Nacional invasão Lula

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.