São Paulo
14°C
Rio de Janeiro
21°C
Brasília
22°C
Salvador
26°C
Belo Horizonte
20°C
Fortaleza
26°C
Recife
26°C
Manaus
26°C
Curitiba
10°C
Porto Alegre
14°C
Home >> Último Segundo >> Palestina não descarta papel do Hamas no futuro de Gaza; Israel rebate

Palestina não descarta papel do Hamas no futuro de Gaza; Israel rebate

'Não haverá Hamas, vamos eliminá-lo', disse Benjamin Netanyahu

por

Ansa

8 de dezembro de 2023

IG

Destruição na Faixa de GazaMarwan Sawwaf/Alef MultiMedia/Oxfam – 10/10/2023

O primeiro-ministro palestino, Mohammed Shtayyeh, disse que a Autoridade Nacional Palestina (ANP) poderia participar de um “novo mecanismo, em conjunto com a comunidade internacional” em prol do futuro de Gaza, mas não excluiu a participação do grupo fundamentalista islâmico Hamas.

A informação foi divulgada nesta sexta-feira (8) pela agência Bloomberg, citando um alto funcionário palestino, após o premiê conversar com a administração do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, sobre a crise no Oriente Médio.

“Antes do 7 de outubro, o Hamas era uma coisa, agora é outra. Se estiverem dispostos a chegar a um acordo e a aceitar a plataforma política da OLP (Organização para a Libertação da Palestina), será possível falar sobre isso. Os palestinos não devem estar divididos”, afirmou ele.

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, rebateu a declaração. “Não haverá Hamas, vamos eliminá-lo. O simples fato de a Autoridade Nacional Palestina o propor apenas reforça a minha visão política: não é a solução”, escreveu ele nas redes sociais.

Situação em Gaza

Nesta sexta-feira, em publicação nas redes sociais, a Agência das Nações Unidas para os Refugiados Palestinos (UNRWA, na sigla em inglês) alertou que a situação no território palestino está “à beira do colapso”.

“Em Gaza estamos chegando a um ponto sem retorno, onde o flagrante desprezo pelo direito humanitário internacional fere a nossa consciência coletiva”, diz o texto.

De acordo com a Unrwa, “o fim dos combates é imperativo se quisermos evitar a dizimação de Gaza e conter as consequências desta crise”.

O diretor da agência da ONU, Thomas White, falou de uma “ordem civil que está em colapso – as ruas parecem um caos, especialmente depois de escurecer -, alguns comboios humanitários foram saqueados e veículos da ONU apedrejados”. “A sociedade está à beira do colapso total”, concluiu.

ANP Guerra Hamas Israel Palestina

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.