São Paulo
19°C
Rio de Janeiro
22°C
Brasília
19°C
Salvador
25°C
Belo Horizonte
18°C
Fortaleza
27°C
Recife
26°C
Manaus
27°C
Curitiba
16°C
Porto Alegre
18°C
Home >> Último Segundo >> Israel intensifica ataques em Gaza e atinge 450 alvos em 24 horas

Israel intensifica ataques em Gaza e atinge 450 alvos em 24 horas

EUA alertam para que Israel priorize a proteção dos civis que estão no enclave

por

iG Último Segundo

8 de dezembro de 2023

IG

Israel divulga novas imagens das Forças de Defesa na Faixa de Gaza, durante incursões terrestresForças de Defesa de Israel – 1.11.23

Israel intensificou drasticamente os ataques na Faixa de Gaza, atingindo toda a extensão do território e deixando centenas de mortos em nova fase de contraofensiva, informou Washington nesta sexta-feira (8). A operação tem o objetivo de destruir alvos do Hamas no território palestino.

Os militares israelenses disseram ter atingido mais de 450 alvos em Gaza por terra, mar e ar nas últimas 24 horas, sendo o maior número desde a trégua temporária da última semana e quase o dobro de ataques que haviam sido relatados por dia anteriormente.

De acordo com a principal agência da Organização das Nações Unidas (ONU), os habitantes de Gaza estão “à beira de um colapso total”, com a grande maioria dos civis deslocados, sem acesso a qualquer ajuda, com hospitais lotados e alimentos prestes a acabar.

Segundo a agência de notícias Reuters, moradores e militares israelenses relataram que os combates haviam sido intensificados em áreas do norte, onde Israel havia dito que suas tropas tinham concluído grande parte das tarefas no mês passado.

Nessa quinta (7), o Ministério da Saúde de Gaza relatou 350 pessoas mortas, aumentando o total de mortos para 17.170, além de milhares de desaparecidos.

Na manhã desta sexta, mais ataques foram relatados em Khan Younis, no sul, no campo de Nusseirat, no centro, e na cidade de Gaza, no norte.

“Como estamos aqui há quase uma semana nesta campanha para o sul, continua a ser imperativo que Israel valorize a proteção civil”, disse ontem o secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, em conferência de imprensa. “E continua a haver uma lacuna entre a intenção de proteger os civis e os resultados reais que estamos vendo no terreno.”

ataques EUA Faixa de Gaza Gaza Hamas Israel

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.