São Paulo
29°C
Rio de Janeiro
30°C
Brasília
27°C
Salvador
30°C
Belo Horizonte
28°C
Fortaleza
27°C
Recife
28°C
Manaus
29°C
Curitiba
26°C
Porto Alegre
27°C
Home >> Último Segundo >> Helicóptero desaparecido: localização de celulares auxilia nas buscas

Helicóptero desaparecido: localização de celulares auxilia nas buscas

Aeronave com quatro pessoas a bordo está desaparecida há nove dias

por

iG Último Segundo

9 de janeiro de 2024

IG

FAB entra no nono dia de buscas pelo helicóptero desaparecido no Litoral Norte de São PauloMontagem iG / Imagens: reprodução / Band TV

As buscas pelo helicóptero desaparecido no litoral norte de São Paulo entraram no nono dia nesta terça-feira (9). A Polícia Civil utiliza informações de geolocalização dos celulares das quatro pessoas que estavam na aeronave para tentar encontrá-los. A última localização foi registrada na região de Paraibuna, interior de São Paulo.

A aeronave Robinson R44 decolou do Campo de Marte, na região norte da capital paulista, às 13h15 do domingo do dia 31 de dezembro, com destino à Ilhabela. A partir das 15h10, não houve mais contato.

No helicóptero, estavam o piloto Cassiano Tete Teodoro, Luciana Rodzewics, a filha dela, Letícia Ayumi Rodzewics Sakamoto e Raphael Torres, que convidou mãe e filha para um passeio bate-volta.

Segundo informações dadas pela passageira Letícia antes do desaparecimento, eles precisaram realizar um pouso de emergência na mata. Dias depois, local foi descoberto pela Polícia Civil. A área fica em Paraibuna (SP), ao lado de uma represa. Contudo, nenhum vestígio da aeronave ou das quatro pessoas foram encontrados.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSP) de São Paulo, foi preciso uma autorização judicial para que agentes da Unidade de Inteligência do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (DOPE) conseguissem acessar localização de antenas (ERBs) dos celulares do piloto e da tripulação. 

“A Polícia Civil esclarece que não foi realizada a interceptação telefônica de áudio, dados telemáticos, ou mensagens de texto dos ocupantes do helicóptero desaparecido”, diz a SSP. “Em relação aos outros três aparelhos dos demais passageiros, não foram localizados sinais de atividade, o que indica que estejam desligados”, acrescenta o órgão.

Esperança

Na tarde de segunda-feira (8), o porta-voz do Comando de Aviação da Polícia Militar de São Paulo, major Cesar Augusto Silva disse que a corporação acredita que a tripulação será encontrada com vida.

“Nossa crença, de verdade, é que a gente ache essas pessoas ainda com vida. A gente tem ainda essa esperança. O compromisso da Polícia Militar é com a vida”, afirmou o major.

O PM pede à população que contribua com as investigações, levando quaisquer informações sobre o possível paradeiro da aeronave.

“Essas informações [enviadas pela população local] são fundamentais. As pessoas da região conhecem melhor a região. Em algumas situações, pousamos com a aeronave para entrevistar as pessoas, fazer uma análise crítica e, a partir dessas informações, fazer uma definição de novas áreas de busca”, afirmou Silva.

celulares Helicóptero desaparecido ilhabela Litoral Norte Nono dia São Paulo

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.