São Paulo
28°C
Rio de Janeiro
27°C
Brasília
26°C
Salvador
29°C
Belo Horizonte
30°C
Fortaleza
27°C
Recife
27°C
Manaus
27°C
Curitiba
22°C
Porto Alegre
26°C
Home >> Último Segundo >> Governador de Alagoas desapropria área da mina da Braskem em Maceió

Governador de Alagoas desapropria área da mina da Braskem em Maceió

O objetivo é transformar a região que compreende aproximadamente 3km² em um parque ambiental

11 de dezembro de 2023

IG

Paulo Dantas (MDB)Reprodução: commons – 28/10/2022

O governador de Alagoas, Paulo Dantas (MDB), anunciou nesta segunda-feira (11) a decisão de expropriar a área impactada pela Braskem em Maceió (AL) para transformá-la em um parque estadual. Ele afirmou que essa medida visa preservar a história dos cerca de 60 mil habitantes que foram obrigados a deixar suas casas devido ao perigo de colapso causado pela exploração de sal-gema pela empresa.

O objetivo é transformar a região que compreende aproximadamente 3km² em um parque ambiental.

“Determinei a desapropriação daquela área que foi comprada pela Braskem para se tornar um grande parque estadual em respeito à memória de todos que moraram, se criaram, que tem histórias e boas recordações nesses bairros que foram perversamente atingidos pelos crimes das Braskem”, disse Dantas.

Os bairros Mutange, Bebedouro, Bom Parto, Pinheiro e parte do Farol estão sob posse da Braskem, após um acordo estabelecido entre a Prefeitura de Maceió e a empresa, o qual previa uma compensação financeira de R$ 1,7 bilhão para o município.

A Braskem ainda não se posicionou sobre o assunto.

Próximo à estabilização?

O prefeito de Maceió, João Henrique Caldas (JHC), disse que “há uma tendência de estabilização” após o rompimento de parte da mina 18 da Braskem na capital alagoana, na tarde deste domingo. A região já havia sido evacuada e não houve feridos. Os danos, no entanto, ainda são avaliados.

“Há uma tendência agora de estabilização. Os danos e impactos ambientais só podem ser medidos após todo o evento”, disse o prefeito enquanto sobrevoava o local em vídeo publicado nas redes sociais.

O colapso parcial da mina 18 foi precedido por vários dias de alertas sobre o risco iminente de colapso. Esses alertas já tinham resultado na evacuação emergencial da área afetada. Veja o vídeo

Desde o dia 29 de novembro, a prefeitura de Maceió decretou situação de emergência devido ao risco iminente de rompimento da mina. A mina é uma das 35 administradas pela petroquímica Braskem no município para a extração de sal-gema.    

alagoas area Braskem desaropriação maceió mina

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.