São Paulo
14°C
Rio de Janeiro
21°C
Brasília
22°C
Salvador
26°C
Belo Horizonte
20°C
Fortaleza
26°C
Recife
26°C
Manaus
26°C
Curitiba
10°C
Porto Alegre
14°C
Home >> Último Segundo >> Família de idoso que caiu em poço de 40m é orientada a tampar buraco

Família de idoso que caiu em poço de 40m é orientada a tampar buraco

João Pimenta da Silva, 71, dizia que teve sonho profético que indicava que abaixo de sua casa havia ouro. Ele morreu após cair no poço

por

Rafael Nascimento

7 de janeiro de 2024

IG

Idoso sonhou com profecia sobre ouro, cavou buraco de 40 metros de profundidade dentro de casa, mas caiu e morreu no buracoReprodução

A família de João Pimenta da Silva, o homem de 71 anos que morreu, na última quinta-feira (4), ao cair dentro de um buraco de 40 metros escavado dentro de sua própria casa, foi orientada a tampar o poço.

A orientação também foi feita ao proprietário do imóvel, segundo o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais. Segundo a corporação, foi indicado o uso de terra para a operação. As informações são do Globo.

“O risco [de desabamento] existe desde o início da escavação. O acompanhamento ficou a cargo dos engenheiros da Defesa Civil Municipal”, disse o porta-voz do Corpo de Bombeiros, capitão Leonardo Schirm.

Sobre o resgate do corpo, a corporação informou que “com uso de EPIs apropriados para o acesso seguro do militar que realizaria descida, além de um cilindro de oxigênio em função de possíveis riscos respiratórios, a guarnição efetuou a retirada do corpo da vítima.”

João “apresentava poli traumatismo, fraturas expostas nas duas pernas, fratura de quadril, laceração do abdômen e tronco, TCE grave, escoriações generalizadas, já sem sinais de vida” quando foi resgatado.

A Polícia Civil afirma que deslocou uma perícia oficial ao local, para realizar os trabalhos de praxe, e que o corpo do idoso foi encaminhado ao Posto Médico-Legal para ser submetido ao exame de necropsia. Agora a corporação aguarda conclusão dos laudos para constatar as circunstâncias e a causa da morte.

Relembre o caso

João Pimenta ficou obcecado após um sonho em que ele afirmava que um espírito lhe garantiu que havia ouro enterrado abaixo do piso da cozinha da casa. Após a suposta profecia, o idoso investiu dinheiro durante muito tempo na construção do túnel, que teve profundidade equivalente ao tamanho de um prédio de 13 andares.

O túnel cavado é mais profundo, inclusive, do que estações de metrô da cidade de São Paulo como, por exemplo, Pinheiros, que tem pouco mais de 31 metros de profundidade, segundo a Metrô CPTM.

No Rio de Janeiro, a estação Cardeal Arcoverde, que ganhou a fama de “batcaverna” entre os cariocas por conta de sua profundidade, tem apenas 2 metros a mais do que os 40 estimados pelos bombeiros no poço do aposentado.

Testemunha narra queda

Antônio Wilson Costa, um amigo do aposentado, estava no local no momento da queda do homem e conversou com a Inter TV, de Minas Gerais, sobre o ocorrido. Ele contou que foi chamado por João para ajudar a tirar água do buraco.

“Eu estava aqui trabalhando e ele veio me pedir ajuda para tirar a água do buraco. Tava batendo mais ou menos na cintura. Descemos a bomba e retiramos dois baldes de 18 litros. Ele resolveu retirar a bomba para guardar. Eu falei com ele para deixar para lá porque tava chovendo, parecia que alguma coisa tava tentando me fazer impedir ele. Ai montamos o elevador de novo e ele desceu até a metade do poço, depois ele resolveu voltar.”

Buraco na cozinha de João Pimenta da Silva, 71BOMBEIROS MG/DIVULGAÇÃO

Segundo a testemunha, ao chegar no topo, o balanço, que servia de elevador e permitia ao aposentado subir e descer na escavação, escorregou. Isso fez com que o idoso ficasse preso por uma corda.

“Eu tentei segurei ele, sozinho, não tinha como pedir socorro. Mas se eu continuasse segurando eu ia junto. Eu só escutei o barulho”, contou o homem, que relatou receber R$ 250 pelo serviço. Ele afirmou ainda que chamou o Corpo dos Bombeiros após a fatalidade.

Fatalidade Idoso poço

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.