São Paulo
28°C
Rio de Janeiro
29°C
Brasília
28°C
Salvador
32°C
Belo Horizonte
28°C
Fortaleza
31°C
Recife
33°C
Manaus
29°C
Curitiba
28°C
Porto Alegre
33°C
Home >> Último Segundo >> Essequibo:  'Não vou me opor a conversas', diz presidente da Guiana

Essequibo:  'Não vou me opor a conversas', diz presidente da Guiana

Irfaan Ali deu essa declaração após Nicolás Maduro falar sobre "sentar e conversar" a respeito de Essequibo, território da Guiana e reivindicado pela Venezuela

por

iG Último Segundo

9 de dezembro de 2023

IG

Irfaan Ali, presidente da GuianaReprodução: Instagram

O presidente da Guiana, Irfaan Ali, disse neste sábado (9) que não se opõe a dialogar  com a Venezuela sobre Essequibo, a região maior que a Inglaterra controlada pela Guiana que o governo de Nicolás Maduro tenta anexar ao seu território.

A declaração de Ali foi feita poucas horas depois de o presidente venezuelano dizer ser necessário “sentar e conversar” com a Guiana, suavizando o tom pela primeira vez desde que seu país realizou, no domingo (3), um referendo sobre a anexação da região rica em reservas de petróleo e ouro. 

A mudança de tom de ambos os lados ocorreu também no dia em que Maduro falou ao telefone com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Na ligação, Lula pediu o diálogo entre os dois países sul-americanos e se disse preocupado, em uma intermediação que vinha sendo esperada ao longo da semana.

A Venezuela afirma ser a verdadeira proprietária de Essequibo, que tem 160 Km² e  corresponde a cerca de 70% de toda a Guiana por conta da região ter sido anexada a então Guiana Inglesa, por ingleses no século XIX. 

Essequibo Irfaan Ali Nicolás Maduro Presidente da Guiana fala em dialogar com Venezuela

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.