São Paulo
21°C
Rio de Janeiro
24°C
Brasília
18°C
Salvador
26°C
Belo Horizonte
16°C
Fortaleza
26°C
Recife
27°C
Manaus
27°C
Curitiba
20°C
Porto Alegre
18°C
Home >> Último Segundo >> Brasileiro sequestrado no Equador fala pela primeira vez; veja o vídeo

Brasileiro sequestrado no Equador fala pela primeira vez; veja o vídeo

Thiago Allan Freitas foi libertado na quarta-feira (10), após passar cerca de 24h sob cárcere privado

por

Ana Carolina Montoro

12 de janeiro de 2024

IG

Thiago Allan FreitasReprodução Instagram

O brasileiro Thiago Allan Freitas, sequestrado na terça-feira (9) em Guayaquil, durante a crescente onda de violência do Equador e libertado na quarta-feira (10), falou pela primeira vez sobre a experiência que viveu. 

Por meio de um vídeo publicado em suas redes sociais, o empresário, que possui um comércio onde faz churrasco brasileiro, agradeceu a todos que se sensibilizaram com o caso, e também àqueles que enviaram dinheiro para pagar seu resgate. 

O brasileiro, morador de Guayaquil há três anos, agradeceu a polícia local. “Eles são incríveis, foram muito rápidos. Querem saber se preciso de alguma coisa e estiveram o tempo todo com meus filhos”, disse Thiago, que tem três filhos. 

“Agora quero tranquilizar a todos, dizer que estou bem e que o pior já passou. Tem muitas coisas que não posso falar, mas quero agradecer a todos que compartilharam e divulgaram o vídeo do meu filho.” 

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, Gustavo, filho de Thiago, pediu ajuda financeira para resgatar o pai. Ele relatou que a família conseguiu pagar parte do resgate, mas não dispõe do montante total solicitado pelos sequestradores.

“Meu nome é Gustavo, eu sou filho de Thiago. Meu pai foi sequestrado nesta manhã. Já enviamos todo o dinheiro que tínhamos. Não temos mais. Por isso recorro a vocês, que me ajudem com o que têm, com qualquer valor, é muito bem-vindo. Se é US$ 1, US$ 2. Precisamos de verdade. Estamos desesperados. Não temos como fazer. Já pagamos US$ 1,1 mil, mas estão pedindo US$ 3 mil. Peço que nos ajudem. Muito obrigado”, disse o jovem em um vídeo postado no Instagram.

Desde o início do caso, as autoridades brasileiras do Itamaraty estiveram em contato com a família de Thiago e acompanharam o desdobramento das investigações junto às autoridades equatorianas por meio da Embaixada em Quito, 

Brasileiro sequestrado no Equador Thiago Allan Freitas Thiago fala pela primeira vez após sequestro

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.