São Paulo
20°C
Rio de Janeiro
25°C
Brasília
20°C
Salvador
27°C
Belo Horizonte
21°C
Fortaleza
26°C
Recife
28°C
Manaus
27°C
Curitiba
18°C
Porto Alegre
22°C
Home >> Último Segundo >> Ataque na Faixa de Gaza deixa 100 mortos

Ataque na Faixa de Gaza deixa 100 mortos

Segundo a rede de TV Al Jazeera, bombardeios atingiram os campos de refugiados de Maghazi e Bureji

por

Lara Tôrres

25 de dezembro de 2023

IG

As forças de Israel atacaram Belém, berço do Cristianismo, e a Faixa de Gaza Reprodução/Twitter

A noite de Natal não teve nada de feliz no Oriente Médio, devido à guerra promovida por Israel contra a Palestina.

Na noite de 24 de dezembro de 2023, mais de 100 pessoas morreram na Faixa de Gaza após ataques aéreos contra os campos de refugiados de Maghazi e Bureji. 

O número de vítimas da guerra já passou da casa dos 20 mil mortos. Segundo o Ministério da Saúde de Gaza, o número de vítimas fatais ainda pode subir.

A manhã desta segunda-feira, 25 de dezembro, também foi marcada por violência e sangue: Israel atacou o campo de refugiados de Jenin, na Cisjordânia ocupada, incluindo a cidade de Belém, considerada o local onde Jesus nasceu. 

O campo de Jenin, que costuma ser visto como um símbolo de resistência do povo palestino, vem sofrendo ataques das forças de defesa israelitas desde o começo da guerra de Israel contra a Palestina, com o objetivo declarado de destruir o grupo extremista Hamas.

A Cisjordânia tem enfrentado um aumento da violência e detenções em meio à guerra de Israel, que ataca a região mesmo afirmando ter como alvo o grupo extremista Hamas, que tem uma presença limitada no território.

Os ataques já mataram pelo menos 303 palestinos na Cisjordânia desde o início da guerra em outubro.

ataques Belém Cisjordânia Faixa de Gaza Natal

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.