São Paulo
24°C
Rio de Janeiro
26°C
Brasília
22°C
Salvador
29°C
Belo Horizonte
25°C
Fortaleza
26°C
Recife
27°C
Manaus
25°C
Curitiba
22°C
Porto Alegre
24°C
Home >> Último Segundo >> 8 de janeiro ‘não é data para vir comemorar’, diz Janja

8 de janeiro ‘não é data para vir comemorar’, diz Janja

O aniversário da tentativa de golpe de estado será marcado por atos em defesa da democracia

por

Lara Tôrres

5 de janeiro de 2024

IG

Janja afirma que o dia 8 de janeiro é uma data para ‘lembrar que a democracia é o que vale a pena’ Claudio Kbene/PR – 14/11/2023

A socióloga e esposa do presidente do Brasil, Rosângela Lula da Silva – conhecida como Janja – esteve na Praça dos Três Poderes, em Brasília (DF), na tarde desta sexta-feira (5).

Na ocasião, ela disse aos jornalistas que decidiu visitar a praça por se tratar de um “símbolo da democracia” que precisa estar “apresentável” para as pessoas que o visitarem no final de semana.

“O sentimento é que a democracia realmente foi mais forte, os Três Poderes se mantiveram firmes na defesa da democracia. O 8 de janeiro não é data para vir comemorar, mas para lembrar que a democracia é o que vale a pena a defesa.”

Isso porque a segunda-feira marcará o primeiro aniversário da tentativa de 8 de janeiro de 2023, e a Praça dos Três Poderes, onde os golpistas tentaram tomar o poder um ano antes, será palco de um ato em defesa da democracia convocado pelo Governo Federal. 

Nesse mesmo dia, o Supremo Tribunal Federal (STF) promoverá um evento de memória de um ano da data e com ênfase na democracia, marcado para às 14h.

Às 15h, o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), irá ao Salão Negro do Congresso Nacional, acompanhado de outras autoridades, para participar de outra solenidade sobre 8 de janeiro.

8 de janeiro ato democracia Golpe Janja

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.