São Paulo
26°C
Rio de Janeiro
28°C
Brasília
29°C
Salvador
32°C
Belo Horizonte
28°C
Fortaleza
31°C
Recife
33°C
Manaus
28°C
Curitiba
24°C
Porto Alegre
30°C
Home >> Economia >> Programa de passagens áreas mais baratas, 'Voa Brasil' fica para 2024

Programa de passagens áreas mais baratas, 'Voa Brasil' fica para 2024

Iniciativa que propõe oferecer passagens a R$ 200,00 foi anunciada em março deste ano e teve seu lançamento adiado mais de uma vez

por

Ana Carolina Montoro

18 de dezembro de 2023

IG

Silvio Costa Filho será ministro de LulaReprodução

O programa ‘Voa Brasil’, iniciativa do governo federal que visa baratear viagens aéreas, ficará para 2024. A informação foi dada pelo ministro dos Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, durante uma entrevista coletiva nesta segunda-feira (18). 

O programa foi anunciado ainda pelo antigo ministro da pasta, Márcio França (PSB-SP), em março desse ano e fala sobre oferecer passagens no valor e R$ 200,00 para determinados públicos. O lançamento da proposta já foi adiada algumas vezes. 

Durante a entrevista coletiva que tinha como objetivo apresentar a primeira etapa do chamado plano de universalização do transporte aéreo, Silvio Costa disse que deseja apresentar o ‘Voa Brasil’ na segunda quinzena de janeiro de 2024. 

“A gente está fechando esse pacote com o governo, estamos combinando com as companhias aéreas, a gente está desenhando quais são os públicos específicos no primeiro momento que farão parte desse programa, mas a nossa ideia é que o Voa Brasil se inicie no ano de 2024”, explicou o ministro. 

Representantes das três principais companhias aéreas  do Brasil participaram da entrevista e fizeram promessas para 2024. Entre elas, afirmam que vão oferecer trechos de viagem por até R$ 799 e ampliar o número de assentos oferecidos nos voos.

No entanto, as empresas não apresentaram dados atuais e nem avaliação das medidas prometidas.

Adiamento Voa Brasil Ministério dos Portos e Aeroportos Passagens aéres mais baratas Programa Voa Brasil Silvio Costa Filho Voa Brasil fica para 2024

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.