São Paulo
20°C
Rio de Janeiro
23°C
Brasília
19°C
Salvador
25°C
Belo Horizonte
18°C
Fortaleza
25°C
Recife
25°C
Manaus
27°C
Curitiba
17°C
Porto Alegre
19°C
Home >> Economia >> Balança comercial do Brasil tem superávit de US$ 98,8 bilhões em 2023

Balança comercial do Brasil tem superávit de US$ 98,8 bilhões em 2023

O valor foi 60,6% maior que o de 2022; agropecuária respondeu por 24% das exportações

por

Brasil Econômico

5 de janeiro de 2024

IG

Após semestre de exportações, Brasil enfrenta falta de estoque de sojaFederação das Industrias do Estado do Paraná

O Brasil registrou superávit recorde de US$ 98,8 bilhões em 2023. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (5) pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC) e e o maior da série histórica, registrada desde 1989.

O saldo positivo superou o de 2022 em 60,6%, que foi quando Brasil registrou superávit de US$ 61,5 bilhões.

O superávit é o resultado do valor exportado pelo Brasil superior ao valor das importações. Do contrário, se as importações forem maiores, é registrado déficit na balança comercial.

No total, em 2023:

– As exportações somaram US$ 339,7 bilhões;

– As importações somaram US$ 240,8 bilhões.   De acordo com o vice-presidente e ministro do MDIC, Geraldo Alckmin, o desempenho da balança comercial em 2023 está associadoo à queda no preço dos produtos importados, como fertilizantes e óleo diesel.

“Isso [o resultado de 2023] é muito importante porque ajuda a economia. Ajuda nas reservas internacionais, ajuda na economia, então esse saldo da balança comercial [é] extremamente expressivo”, declarou Alckmin.

Exportações bateram recorde  

As exportações aumentaram 1,7%, em relação a 2022, alcançando US$ 339,7 bilhões , segundo os dados do governo.

O setor agropecuário respondeu por 24% das exportações brasileiras, somando US$ 81,5 bilhões em 2023. O crescimento no ano foi de 9%.

Já o setor extrativista registrou participação de 23,2% no resultado do ano, com US$ 78,8 bilhões. Em relação a 2022, houve aumento de 3,5%.

A indústria extrativa, por sua vez, registrou queda de 2,3% no ano, com exportação de US$ 177,2 bilhões. O setor tem a maior parcela das exportações nacionais, com 52,2%.

Itens mais exportados   

 – soja, com 15,6% de participação;

– óleos brutos de petróleo ou de minerais betuminosos, crus (12,52%);

– minério de ferro e seus concentrados (8,98%);

– açúcares e melaços (4,64%);

– óleos combustíveis de petróleo ou de minerais betuminosos (exceto óleos brutos) (3,9%)

O ano de 2023 também estabeleceu um novo recorde de exportação para um único parceiro comercial: o país exportou mais de US$ 100 bilhões para a China.

Veja os principais destinos das exportações brasileiras em 2023

 – China, Hong Kong e Macau, respondendo por 31,1% do valor exportado;

– União Europeia (13,6%);

-Estados Unidos (10,8%);

– Sudeste Asiático (7,2%);

– Mercosul (6,9%).

balança comercial do brasil em 2023 Superávit superávit de US 98 bilhões

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.