São Paulo
14°C
Rio de Janeiro
21°C
Brasília
22°C
Salvador
26°C
Belo Horizonte
20°C
Fortaleza
26°C
Recife
26°C
Manaus
26°C
Curitiba
10°C
Porto Alegre
14°C
Home >> Economia >> 10 dicas para fazer compras online de fim de ano de maneira segura

10 dicas para fazer compras online de fim de ano de maneira segura

Saiba também o que fazer se cair em algum golpe

por

EdiCase

22 de dezembro de 2023

IG

10 dicas para fazer compras online de fim de ano de maneira seguraNesta época do ano, golpes com compras online aumentam (Imagem: Kite_rin | Shutterstock)

É chegada a temporada de compras de fim de ano. Natal, confraternizações, amigo secreto: vários são os eventos que movimentam o varejo nesse período do ano. Segundo dados da Confederação Nacional do Comércio (CNC), o brasileiro está mais disposto a gastar, com base nos resultados da Black Friday 2023 — que, segundo a CNC, teve um dos melhores resultados desde a criação da data. A entidade afirma que as vendas do Natal 2023 devem ter um aumento de 5,6%.

Outra pesquisa, “Expectativas da Temporada de Compras 2023”, realizada pela Meta, mostra que 87% dos consumidores vão deixar as compras de fim de ano somente para o Natal e 64% deles pretendem comprar online. Com esse movimento esperado no varejo digital, é importante se precaver para evitar golpes. 

Índices elevados de golpes online

Dados de estudo feito por AllowMe, icarros Itaú, OLX, Unico, Who e Zoop mostram que 80 mil pessoas foram vítimas de golpes online entre janeiro e setembro de 2023. Eles ocorreram na compra e venda online de produtos como celulares, roupas, itens para casa e eletrônicos — uma média de 9 mil golpes por mês.

“O grande avanço do e-commerce, principalmente após a pandemia, além da expansão de novas formas de pagamento como o Pix, tende a atrair os criminosos. Por conta disso, vale redobrar os cuidados na hora de adquirir os presentes de Natal em lojas virtuais, aplicativos, redes sociais e até mesmo pelo WhatsApp”, explica Fellipe Guimarães, CEO da Codeby, a Keyrus Company.

Segundo o especialista, alguns cuidados básicos e simples podem ser cruciais para evitar dor de cabeça e prejuízos nessa época do ano. “Atitudes simples, como utilizar somente o cartão virtual — que expira após um determinado período — nas compras online, verificar a reputação da loja em sites como o Reclame Aqui, não clicar em links suspeitos ou desconhecidos, verificar a URL do site e checar os comentários nas redes sociais da marca ou empresa, já ajudam a evitar problemas sérios”, afirma. 

Fazendo compras de forma segura

Conhecer estratégias de segurança eficazes é essencial para navegar com segurança, assegurando que suas compras e informações pessoais. Por isso, confira 10 dicas:

  1. Sempre dê preferência a sites conhecidos. Mesmo neles, verifique a barra de endereços (URL) para garantir que o site é o verdadeiro;
  2. Observe se há um cadeado de segurança logo no início da barra de endereços, o que significa que este é um site seguro;
  3. Se o pagamento for feito em cartão, utilize a versão virtual, disponível nos aplicativos dos bancos. Sempre que puder, evite pagar utilizando os dados do cartão de crédito físico;
  4. Mesmo utilizando o cartão virtual, verifique, antes de digitar os dados, se você continua no ambiente da loja virtual oficial. Para isso, basta olhar a barra de endereço/URL;
  5. Sempre procure as redes sociais da loja e leia os comentários mais recentes. Se houver a ocorrência de muitas reclamações por atraso na entrega ou outros motivos, evite;
  6. Desconfie de preços muito menores do que o valor real do produto. Este é um forte indício de golpe;
  7. Nunca clique em links não solicitados enviados por WhatsApp, e-mail, direct message ou qualquer outra forma;
  8. Outro cuidado é com o recebimento de ligações solicitando a confirmação de dados pessoais ou pedindo a senha do banco para confirmar a compra. Se isso acontecer, desligue imediatamente o telefone e ligue para o seu gerente de outro aparelho;
  9. Sempre observe quem é a empresa beneficiária ao realizar pagamentos por boleto. Se os dados não baterem, não siga com o pagamento;
  10. Não realize compras usando wi-fi aberto — como em shoppings, aeroportos etc., pois os criminosos (hackers) podem interceptar seus dados.

Lidando com golpes online

Se, mesmo com todos os cuidados, algo vier a acontecer, é preciso agir o mais rápido possível. A SaferNet Brasil indica o que deve ser feito nesses casos:

  • Registre imediatamente a reclamação no site da empresa;
  • Recupere os registros e protocolos para entrar em contato com a empresa;
  • Registre as reclamações em sites de consumidores, como o Reclame Aqui;
  • Registre a reclamação no site do Procon/Ministério da Justiça;
  • Caso haja fraudes em sua conta bancária ou cartão de crédito, comunique imediatamente seu banco para cancelar as transações e registre o Boletim de Ocorrência na Delegacia;
  • Mantenha seu antivírus sempre atualizado para bloquear programas maliciosos;
  • Nunca passe informações de senhas bancárias por telefone. Na dúvida, procure sua agência bancária;
  • Verifique com frequência seu extrato para evitar surpresas e denunciar qualquer transação suspeita assim que tomar conhecimento.

Por Letícia Carvalho

edicase Empreendedorismo finanças tecnologia

Esteja sempre por dentro!

Assine nossa newsletter e receba as principais informações em seu e-mail.